Logo da Universidade do Estado de Santa Catarina

Notícia

26/05/2020-15h44

Acadêmicos e professores do curso de Teatro da Udesc Ceart reinventam peça “O bem amado”

Projeto com a obra de Dias Gomes une o ensino, a pesquisa e a extensão, acontece em período de isolamento social

 
Estudo de personagem é feito pelo ilustrador Eloar Guazzelli Filho
O curso de Teatro do Centro de Artes (Ceart) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) está desenvolvendo um projeto para a obra “O bem amado”, de Dias Gomes. A proposta, que acontece em período de isolamento social, pretende a montagem e a apresentação do texto com a junção do ensino, da pesquisa e da extensão universitárias.

Dias Gomes escreveu “O bem amado” em 1962 e foi adaptado à televisão em 1973. A narrativa conta a história do prefeito Odorico Paraguaçu, que constrói um cemitério na cidade de Sucupira e planeja a morte dos habitantes para poder inaugurar o lugar. A trama, segundo os organizadores, continua extremamente atual, ironizando a política nacional, falando sobre poder e tirania.

Dentre os objetivos do projeto estão investigar as conexões entre a linguagem teatral, linguagem das histórias em quadrinhos, charges e linguagem do teatro de figuras. Para ser desenvolvido, conta com a participação de alunos da graduação e pós-graduação do Teatro. A ideia inicial antes da pandemia da Covid-19, era de uma maior participação do público nas apresentações, junto à comunidade acadêmica da Udesc, em Florianópolis.

No planejamento original, a peça teria dezesseis apresentações feitas entre os meses de junho e setembro de 2020, nos finais de semana e dentro do Campus I da UDESC. Com as medidas de isolamento social, os processos de pesquisa e ensaio foram adaptados, por meio de encontros virtuais. Nessas reuniões, os participantes fazem a leitura do texto e discutem ideias de encenação, além da elaboração das figuras e cenários necessários. A partir disso, surgiu a ideia de expandir o espetáculo, produzindo em vídeo, para maior alcance e distribuição. “A imprecisão acerca de quando poderemos voltar a ensaiar presencialmente e apresentar para o público faz com que precisemos nos reinventar a todo instante”, acrescenta Paulo Balardim, professor de Teatro e coordenador do trabalho.

Ainda de acordo com Balardim, os desafios do projeto agora são os ensaios virtuais que apresentam por vezes problemas de conexão, defasagem na recepção do áudio, distorções de voz, falta de contato físico, que serve como acionador de ações e intenções dos personagens, numa cena. Porém, Paulo afirma que “os encontros virtuais também colaboram para mantermos o grupo unido no projeto, e o elo de amizade ajuda no ânimo.”

Atualmente, os integrantes estão no processo de organização da estrutura e adaptação da peça, nos ensaios virtuais e na elaboração dos personagens e cenários, que estão sendo desenhados pelo ilustrador premiado Eloar Guazzelli Filho e  não há previsão de quando o vídeo teatral será lançado.

Assessoria de Comunicação da Udesc Ceart
E-mail: comunicacao.ceart@udesc.br

galeria de downloads
galeria de imagens
  • Imagem 1
  • Imagem 2
  • Imagem 3
  • Imagem 4
  • Imagem 5
  • Imagem 6
  • Ensaio virtual do grupo
  • Paulo Balardim
notícias relacionadas
 
ENDEREÇO
Av. Madre Benvenuta, 1907
Itacorubi, Florianópolis / SC
CEP: 88.035-901
CONTATO
Telefone: (48) 3664-8300
E-mail: comunicacao.ceart@udesc.br
Horário de atendimento:  07h às 19h