Logo da Universidade do Estado de Santa Catarina

Centro de Ciências da Saúde e do Esporte

Notícia

06/12/2016-21h08

Deputados estaduais rejeitam emenda que destinaria mais recursos à Udesc

 
Cerca de cem servidores e estudantes acompanharam votação nesta terça - Foto: Solon Soares/Agência AL
Por 17 votos a 12, os deputados estaduais rejeitaram, na sessão desta terça-feira, 6, na Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc), a emenda parlamentar à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) que previa o aumento de 0,17% no duodécimo da Udesc.

A emenda foi apreciada em separado pelos deputados estaduais. Se fosse aprovada, a medida destinaria cerca de R$ 18 milhões a mais ao orçamento anual da universidade, conforme defendeu a campanha Udesc+0,17

Os recursos adicionais seriam usados para a institucionalização do ensino a distância, o custeio e o fortalecimento da pós-graduação e investimentos em bolsas, entre outras ações de ensino, pesquisa e extensão.

Por volta de cem professores, técnicos e alunos da instituição, entre eles o reitor, Marcus Tomasi, o vice-reitor, Leandro Zvirtes, pró-reitores e diretores-gerais de centros de ensino, acompanharam a sessão desta terça-feira.

Tomasi ressaltou que, apesar de a emenda ter sido rejeitada no parlamento, a campanha pelo aumento de repasse de recursos à universidade seguirá em 2017 com o envolvimento de toda a comunidade acadêmica.

"Gostaria de agradecer a presença dos técnicos, professores e alunos que apoiaram a campanha e estiveram na sessão, além do apoio da Associação dos Servidores e do Sindicato dos Técnicos. Vamos continuar atuando na causa", afirmou o reitor da Udesc. 

Campanha para sensibilizar deputados

A obtenção da emenda parlamentar que originou o pedido de aumento do repasse à Udesc foi resultado dos esforços da campanha Udesc+0,17.

A ação iniciou em outubro – a necessidade do aumento de repasse foi aprovada pelo Conselho Universitário (Consuni) em junho – e envolveu estudantes, professores e técnicos para sensibilizar a classe política para a importância econômica, social e educacional da instituição para o desenvolvimento de SC.

Desde então, o reitor Tomasi e o vice-reitor Zvirtes, além do pró-reitor de Planejamento, Leonardo Secchi, e outros membros da gestão da Udesc, fizeram dezenas de reuniões com deputados para concretizar a proposta.

Sobra da Alesc e petição

Atualmente, a Udesc recebe 2,49% da Receita Líquida Disponível (RLD), que é uma soma da arrecadação de impostos estaduais. Com mais 0,17%, o repasse subiria para 2,66%. A proposta da emenda era reduzir o percentual da Alesc, que tem sobra de recursos, e destinar à Udesc.

Uma petição pública com mais de oito mil assinaturas recolhidas em apenas 21 dias em apoio à campanha foi entregue ao presidente da Alesc, Gelson Merísio (PSD), em 19 de outubro, por Zvirtes e Secchi, data em que mais de 150 técnicos e professores da universidade lotaram a sessão do plenário do parlamento para sensibilizar os deputados. Na ocasião, vários parlamentares se pronunciaram a favor da causa da Udesc.

Assessoria de Comunicação da Udesc
E-mail: comunicacao@udesc.br
Telefones: (48) 3664-8006/8010
galeria de downloads
galeria de imagens
  • Imagem 2
 
ENDEREÇO
Rua Pascoal Simone, 358 - Coqueiros - Florianópolis - SC
CEP: 88080-350
CONTATO
Telefone: (48) 3664-8600
E-mail: comunicacao.cefid@udesc.br
Horário de atendimento:  07h às 19h