Please enable JavaScript to view the page content.
Logo da Universidade do Estado de Santa Catarina

Notícia

26/03/2019-19h15

Rede institucional integrada pela Udesc promove ações de direitos humanos em SC

 
Professora Jurema Belli (ao centro) prestigiou primeiro evento promovido pela rede, neste mês - Foto: Divulg.
A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) estabeleceu acordo para a criação da Rede Colaborativa de Acessibilidade, Inclusão e Direitos Humanos, em parceria com Justiça do Estado, Justiça Federal, Justiça do Trabalho, Ministério Público (MPSC, MPF e MPT) e Universidade Federal de Santa Catarina (Ufsc). 

A rede pretende promover ações conjuntas para debater direitos humanos e conscientizar a sociedade sobre as consequências de se negligenciar essa questão. 

Para a coordenadora do Pacto de Educação em Direitos Humanos na Udesc, professora Jurema Iara Reis Belli, a inicitiva quer trazer para discussão "tudo aquilo que precisamos para uma vida mais digna, para garantir que essa dignidade seja de todos".

A cada mês, a rede fará ações focadas em um tema. As instituições escolherão coletivamente os palestrantes, os assuntos e como os eventos serão conduzidos, levando as atividades para o maior número possível de lugares.

A primeira questão abordada foi o direito da mulher. Desde o início de março, estão sendo realizados eventos que abordam assuntos diversos sobre a realidade feminina, com a promoção de atividades alusivas às mulheres. Confira toda a programação.

Como surgiu o projeto

Estabelecer uma rede colaborativa foi uma das propostas do evento "Acessibilidade e inclusão nos 70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos", que foi promovido pela Justiça Federal em Santa Catarina (JFSC) em dezembro de 2018.

O evento foi aberto pelo juiz Fernando de Castro Faria, coordenador de Direitos Humanos da Associação dos Magistrados Catarinense (AMC), que lembrou sobre sua visita recente a Nuremberg, na Alemanha, onde está preservado o tribunal que julgou os crimes cometidos pelo nazismo durante a 2ª Guerra Mundial. Para ele, para que a história não se repita, "temos que continuar falando, a nova geração tem que saber".

Embaixada e pacto nacional

Em 2018, a Udesc se tornou Embaixada de Direitos Humanos ao Serviço da Humanidade, do Observatório Internacional de Direitos Humanos (Oidh), com sede mundial em Portugal, para a promoção da paz no mundo.

Também no ano passado, a universidade iniciou sua participação no programa Pacto Universitário em Educação em Direitos Humanos, que reúne instituições de ensino superior de todo o Brasil.

A Udesc criou um comitê intercentros, que é multidisciplinar e tem representantes discentes, docentes e técnicos, e definiu metas a serem atingidas até este ano nas áreas de ensino, pesquisa, extensão, gestão e convivência universitária. Confira o plano.

Mais informações

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail pactoedh@udesc.br e pelo telefone (47) 3481-7840.

Siga as novidades da universidade pelo Facebook, Instagram, Twitter, Udesc em Rede, WhatsApp e YouTube. Se você é acadêmico, acesse office.udesc.br para ganhar conta de e-mail, Office 365 e Windows 10 Educacional.

Assessoria de Comunicação da Udesc
E-mail: comunicacao@udesc.br
Telefones: (48) 3664-7935/8010
galeria de downloads
galeria de imagens
  • Imagem 1
 
ENDEREÇO
Av. Madre Benvenuta, 2007
Itacorubi, Florianópolis / SC
CEP: 88.035-901
CONTATO
Telefone: (48) 3664-8000
E-mail: comunicacao@udesc.br
Horário de atendimento: 13h às 19h